segunda-feira, 23 de janeiro de 2012

Viver é tomar partido


Odeio os indiferentes. Acredito que viver significa tomar partido. Indiferença é apática, parasitismo, covardia. Não é vida. Por isso, abomino os indiferentes. Desprezo os indiferentes, também, porque me provocam tédio as suas lamúrias de eternos inocentes. Vivo, sou militante. Por isso detesto quem não toma partido. Odeio os indiferentes. 
ANTONIO GRAMSCI

Um comentário:

  1. Espero ajudar com minhas palavras, pois são bem intencionadas, tomar partido no sentido de ajudar o próximo, é louvável, no entanto, este partido tem que vir munido de boas intenções, bom senso e boa vontade, sem interesses, e tem que vir sem soberba, não precisamos proferir e nem sentir ódio ou desprezo pelos que não o fazem, pois a diferença de você pra eles, é que você tem o dom da coragem, isto é um bom atributo, use-o a seu favor, mostrando assim que todos podem ser como você, e isso lhe fará um bom líder, uma pessoa admirada e seguida, mas nunca se esqueça o significado de humildade, pois esta palavra, está muito próxima da sabedoria. O mundo precisa de líderes, seja um e boa sorte.

    ResponderExcluir