domingo, 29 de abril de 2012

Que estava eu ali a fazer?




Que estava eu ali a fazer? Porque estava a falar com aquelas pessoas? [...] Tinha morrido a paixão que me submergia e arrastara durante anos; naquela altura sentia-me vazio. Mas não era isso o pior...

Jean-Paul Sartre in: A Náusea

Nenhum comentário:

Postar um comentário